sexta-feira, 16 de abril de 2010

Enfim,acorde!


Eu estava sentada esperando você, esperando, esperando. Mas dessa vez era diferente, eu sabia que você viria. Eu tinha certeza. E você veio. Eu olhei pra você chegando, andando em minha direção. Você me olhou e eu sorri. Você sorriu. Meu coração disparou, as borboletas no meu estômago entraram em desespero, dígamos assim. Achei que meu coração ia sair pela boca. Que sorriso mais lindo você me deu. Levantei então, pra te comprimentar. Não sabia direito como agir, estava totalmente desnorteada. Você parou na minha frente e abriu os braços. - Finalmente a gente conseguiu se encontrar, né? ; Fiz que sim com a cabeça, ri baixinho, com um sorriso imensamente grande no rosto, abracei você que também sorria. Enquanto estava nos seus braços, o meu mundo parou. Eu só podia sentir você perto de mim e as batidas frenéticas do meu coração. Entre o abraço, você disse, no meu ouvido: - Bom ver você, você é linda! ; - Obrigada. ; Respondi num quase suspiro, minha voz não saia, não conseguia pronunciar direito as palavras, é como se eu nem soubesse falar. Sentamos novamente, você estava do meu lado agora, me olhando, sorrindo. Eu poderia congelar aquele momento, eu poderia olhar o seu rosto pro resto dos meus dias. Eu realmente tinha encontrado meu lugar no mundo. Sentamos pra conversar e no meio de tanta besteira que falávamos você me surpreendeu com um "Eu te amo." Te olhei nos olhos, surpresa. Como assim me ama? Perguntei. - Não sei, só sei que te amo, e to me sentindo muito bem do seu lado. ; Segurou então a minha mão e tímido, sorrindo discretamente, disse: Nunca solta a minha mão, tá? Antes que eu falasse qualquer coisa, meu despertador tocou me lembrando que estava na hora de levantar e parar de sonhar.
*Bá

2 comentários:

  1. Nossa Báah essa foi profunda..curti!
    mas quem era a pessoa do sonho?

    Léoo.

    ResponderExcluir